VISITAS

sexta-feira, 20 de maio de 2011

TÍTULO PRÓPRIO: “ O Cárcere “

Título da Obra: “ 1.984 “


Autor: George Orwell

Origem da literatura: Norte Americana

Editora, Data da publicação, Páginas:
Ed. Cia Editora Nacional, 2005, 29ª Edição, 199 páginas


Personagens: Winston Smith, Júlia e o Grande Irmão

Obra: A trama passa-se no ano fictício de 1984 época em o mundo
ficaria submetido a um totalitarismo implacável, sendo que tudo
passaria a ser controlado pelo Governo, mantendo as pessoas no
mais absoluto estado de alienação.
Num primeiro momento a mundo seria dividido em três grandes
regiões, a Eurásia, a Lestásia e a Oceania, todas elas submetidas à
mesma forma de ideologia.
De acordo com as premissas básicas do Partido, a liberdade seria
totalmente cerceada, de modo que, para efetuar esse controle
haveria uma Polícia do Pensamento para identificar aqueles
indivíduos que tivessem qualquer tipo de ideologia que divergisse
do Partido ( esse comportamento era chamado de “ crimes-idéia “.
Todas as pessoas também seriam submetidas a um controle visual,
onde em cada moradia haveria “ teletelas “ monitorando cada pas-
so do cidadão.
Outra forma de controle seria através da criação de uma nova forma de se comunicar, criando-se a Novilíngua.
Esse recurso seria fundamental para que as pessoas não pudessem
Mais dispor de recursos lingüísticos para elaborar uma oposição
às condições determinadas pelo Governo.
O protagonista Winston Smith, trabalha no Ministério daVerdade,
mas intimamente não aceita os métodos utilizados pelo Estado e
seu suposto chefe-maior, O Grande Irmão ( Big Brother ).
Tem um romance com Júlia, que compartilha as mesmas idéias de
Winston, que será em dado momento preso e torturado, cuja con-
sequência será a aceitação dos ideais do Grande Irmão.

Opinião: Esse livro pode ser considerado um manual para identi-
ficar situações que possam levar a sociedade a submeter-se a um
autoritarismo indiscriminado, passando pelo risco de controle
da liberdade de pensamento e de escolha até o cerceamento das
mais nobre das possibilidades humanas que é o livre-arbítrio.


O AUTOR:

Data da resenha: 16 de Maio de 2011

Autor da resenha: Márcio A. S. Ferraz

Local: Alameda das Paineiras, 60 - Itapevi – S.P

Nenhum comentário:

Postar um comentário